Por que o respeito e a diversidade provocam tanta polêmica?

respeito

O Plano Estadual de Educação foi aprovado ontem, na Assembleia Legislativa. Foram sete horas de debates e bate-bocas, no bom português. Ouvimos muitas brigas e xingamentos. E por quê? Por falsas polêmicas! Por brigas conservadoras que empurram o Brasil para trás, que não nos deixam avançar no que a política mais precisa. O debate deveria ser acerca da EDUCAÇÃO. Virou confronto político, virou Tarso X Sartori.

A falsa polêmica que deflagrou o confronto foi uma emenda que pede que o respeito à diversidade seja tratado na escola, que o combate ao preconceito seja tratado na escola. Como pode, meus amigos, isso ser polêmico?

Uns diziam que havia uma tal de ideologia de gênero no texto. Politizaram algo que não havia. Outros, para atiçar o confronto, rebatiam com ataques no mesmo nível. O conteúdo do plano, a qualidade da edução e o futuro da nossa edução não foi discutido…

O preconceito tem pautado nossa política. Eleições são decididas pelo conservadorismo. Regredimos cada dia mais. Enquanto o mundo evolui nas leis e na visão de mundo, seguimos debatendo o conceito de família. Ora, família é onde há amor! Família é onde há respeito! Família é onde há conforto, parceria, cumplicidade, apoio, incentivo, solidariedade. Não existe um modelo de família. E, enquanto o parlamento tiver de se debruçar sobre isso, os ânimos seguirão exaltados e os avanços serão nulos.

Me honra a postura do meu partido, o PSB, que seguiu o que diz seu estatuto: respeitamos o estado laico e a constituição. Respeitamos a fé e a crença de todos, a diversidade, o livre pensamento. Condenamos toda e qualquer forma de preconceito. Combatemos a intolerância. Priorizamos o diálogo. É esse o caminho da política de verdade. Falsas polêmicas apenas atrasam o Estado e o país. O dia que entenderem que política e religião são coisas completamente distintas, talvez a gente volte a debater o que realmente importa!

Leave a reply

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien